Academia Mato-Grossense de Ciências Contábeis

visita do presidente do Conselho Regional de Contabilidade, contador Paulo Rühling ao secretário da Casa Civil de Mato Grosso, Mauro Carvalho, marca o início de novas relações com executivo para discussões de assuntos de interesses da contabilidade.

O encontro aconteceu na última sexta-feira, 29 de maio, no Palácio Paiaguás e contou com a presença da presidente da Junta Comercial de Mato Grosso (JUCEMAT), contadora Gercimira Moreira Rezende e com a representante da Academia Mato-Grossense de Ciências Contábeis (AMACIC), contadora Giseli Alves Silvente.

Um dos assuntos expostos ao chefe da casa civil pelos contadores, foi sobre a necessidade de uma maior abertura para diálogo e participação entre a categoria e a Secretaria Estadual de Fazenda; A ideia é estreitar esse canal de conversa direta com o órgão, e contribuir na resolução de problemas comumente enfrentados pelos profissionais da contabilidade, principalmente na operacionalização do novo modelo de  tributação Estadual;

A pauta ainda reforça a intenção das entidades contábeis em promover por meio desse canal, ações de alinhamento que tratam de questões importantes, e que permitam melhor interpretação para nova metodologia de apuração do ICMS no Estado de Mato Grosso.

Um ofício será enviado e formalizará as reivindicações feitas durante a reunião.

O presidente do CRCMT, contador Paulo Rühling agradeceu ao secretário e destacou sobre a importância da participação da categoria contábil na discussão de assuntos que refletem diretamente na rotina da contabilidade. “Agradecemos ao secretário Mauro Carvalho pela disposição em nos atender mesmo em tempos tão difíceis. A contabilidade não para, e nós contadores, somos essenciais para manter a roda da economia girando”.

“A classe contábil mato-grossense atua como importante elo entre o contribuinte e o fisco, por esse motivo, precisamos que esse canal de comunicação junto ao governo do Estado, seja legítimo para contribuir de fato, no melhoramento da operação e aplicação não apenas da nova tributação, mas de toda e qualquer ferramenta que demanda labor da contabilidade” destaca o presidente.

Para contadora Giseli Alves Silvente, a reunião foi um importante passo para que a Comissão de Assuntos Tributários auxilie o fisco na melhora da operacionalidade do novo modelo de tributação Estadual.

“É importante destacar que nós contadores não temos nenhuma intenção em interferir em arrecadação, aumento ou diminuição da aplicação de impostos. Isso não é nossa atribuição; mas sim, auxiliar dando sugestões e ideias para melhorar no processo burocrático, ajudar a dar mais operacionalidade e transparência para que o profissional contábil consiga entender melhor o processo, trabalhar e, consequentemente, prestar um melhor serviço para o contribuinte. Um importe passo!”, afirma a contadora.

A presidente da Junta Comercial, Gercimira Rezende também avaliou positivamente o encontro e destacou a importância da parceria e do compartilhamento das ações com os Profissionais das Contabilidade.  “A reunião foi bastante produtiva. Essa comunicação junto a Categoria Contábil contribui para avaliar principalmente aplicabilidade da legislação e seus procedimentos “, afirma.

COMISSÃO DE ASSUNTOS TRIBUTÁRIOS

No último mês de maio, o CRCMT em conjunto com a Academia Mato-Grossense de Ciências Contábeis (AMACIC), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas de Mato Grosso (Sescon/MT) e representantes de escritórios contábeis instituíram uma Comissão de Assuntos Tributários para  promover estudos relevantes acerca do sistema de tributação aplicado no Estado de Mato Grosso.

………………………..

Por: Gláucia Almeida | Assessoria CRCMT

 

Fonte: CRCMT